Como criar um bom anúncio de imóveis à venda

Como criar um bom anúncio de imóveis à venda

Confira algumas dicas para otimizar seus anúncios imobiliários

 

A concorrência no mercado imobiliário fica mais acirrada a cada dia e, para negociar imóveis à venda, é importante estar ligado às novas tendências. Para não ficar atrás da concorrência, o corretor deve acompanhar os avanços tecnológicos e até setores que parecem estar distantes do ramo, como a internet e o marketing.

 

Atualmente, não basta colocar uma placa com o nome e telefone da imobiliária na casa e esperar que os consumidores entrem em contato. As divulgações feitas em jornais de grande circulação também vêm se tornando obsoletas. Portanto, entenda como você pode destacar seu anúncio perante a concorrência.

 

Mais da metade da população já tem acesso à internet em casa e ao menos 95,4 milhões de brasileiros acessam a rede mundial de computadores. Os smartphones e tablets trouxeram grande facilidade para as pessoas que adoram comprar ou pesquisar pela internet, e isso só tende a crescer. Portanto, um anúncio online de imóvel à venda ou para locação costuma ter grandes resultados, desde que ele tenha bom planejamento e excelente execução.

Dicas de como criar um bom anúncio de imóveis

Quem deseja criar um bom anúncio em plataformas imobiliárias deve entender a importância de dedicar tempo para isso. O perfil do consumidor e seu comportamento na jornada de compra mudaram. O que isso significa? Eles ficaram mais exigentes com relação às informações disponíveis sobre o produto e também para a facilidade de buscar e encontrar o que desejam.

 

Ter uma boa visibilidade na internet depende de diversos fatores e colocar um anúncio online e esperar que o cliente ligue pode não gerar tantos resultados. Com algumas dicas, é possível otimizar seu anúncio e fazer com que ele traga bons prospects para você.

1 – Elabore um bom começo de anúncio

Para escrever um bom anúncio, não é necessário ser especialista nisso. Seja objetivo, claro e, principalmente, verdadeiro nas informações, priorizando os dados mais importantes. Evite erros gramaticais e gírias.

 

Uma boa forma para saber se a descrição está otimizada ou não é imaginar que você é quem está buscando um imóvel e ler o que escreveu. Outro método é chamar uma segunda pessoa para fazer essa rápida análise. Se o conteúdo estiver interessante para ambos, certamente o consumidor também entenderá o recado.

2 – Preencha os campos básicos disponíveis

Ao incluir os imóveis em plataformas imobiliárias, é válido prestar atenção nos campos disponíveis para preenchimento. Quando uma pessoa busca um imóvel nesses sites, ela utiliza filtros e seu imóvel aparece conforme as informações fornecidas. Basicamente, os campos que devem ser preenchidos são:

 

  • Preço: valor de venda/aluguel, IPTU, condomínio – se for o caso.

  • Tipo de imóvel: apartamento, loft, casa, sobrado, kitnet, etc.

  • Área: metragem do imóvel – e do terreno, se necessário.

  • Espaço: quantidade de cômodos, quantos quartos, vagas na garagem, banheiro, etc.

 

Para ter ideia da importância de preencher corretamente os campos, algumas plataformas analisam o anúncio perante essas informações. O VivaReal, portal que conecta imobiliárias, incorporadoras e corretores, por exemplo, tem um “completômetro”, ferramenta que analisa as informações fornecidas pelo corretor e as que estão pendentes.

3 – Coloque o endereço do imóvel

Mesmo sendo um tema de discussão no mercado imobiliário, ao anunciar na internet não tem escapatória: é preciso colocar o endereço real e completo do imóvel. A chance de receber contatos mais qualificados aumenta e, consequentemente, a chance de conversão da venda é maior.

4 – Capriche nas fotos

Apenas uma foto do imóvel já não satisfaz mais o cliente. Hoje, até mesmo pela correria do dia a dia, o consumidor tem o desejo de adiantar o processo e ver tudo o que puder sobre o imóvel. Por isso, invista em fotos de qualidade. É recomendável que publique cerca de 15 imagens de todos os detalhes e cômodos do domicílio.

 

Não é necessário contratar uma equipe profissional para isso, mas é importante se atentar à qualidade das imagens, com boa iluminação, ambiente organizado, etc. Fotos e vídeos 360º também são boas ferramentas para chamar a atenção de potenciais consumidores.

5 – Divulgue o anúncio

De nada adianta ter um anúncio de imóveis perfeito se você não divulgá-lo. Além do site da sua imobiliária, inclua o anúncio em portais e também nas  redes sociais. Quanto mais lugares mostrarem seu anúncio, maiores as chances dele ser visto por quem deseja buscar um imóvel.

 

Use a criatividade, bom senso e se planeje para criar um bom anúncio de imóveis. E você, quais técnicas utiliza e acha certeira para que um anúncio de imóveis chame a atenção dos compradores? Conte para nós!